Fertelizante Organico

4 entradas / 0 novas
Última mensagem
Rechena
Fertelizante Organico

Vi na primeira pagina deste site o artigo, que esta excelente, sobre composto orgânico.

Tenho andado a ler muito e procurar e à algo que eu ainda não percebi...

A ideia é juntar os restos de relva, folhas, cascas de ovos, restos de fruta, etc, num espaço a parte e depois quando se tem muito de tudo junta-se no container final ou simplesmente vai-se adicionando? tipo se usar um ovo hoje, posso mandar a casca la para dentro, ou depois de começar o melhor é já não acrescentar nada?

Obrigado pela ajuda.

Ab
Joao Rechena
http://coisas.rechena.com

Joaquim Ferreira
Fertilizante orgânico

Sr. João Rechena,

Para fazer fertilizante orgânico uma das técnicas mais utilizadas é a de camadas, nomeadamente a camada verde que produz nitrogénio e a camada castanha que produz carbono. Deve juntar uma quantidade considerável de ambos os materiais que compõem estas duas camadas e depois realizar a mistura num container ou recipiente de compostagem. Depois da mistura ter sido realizada não é aconselhável adicionar novos materiais porque o processo de decomposição já se iniciou. Ao fazê-lo o processo de decomposição será mais demorado, pois é como se estivesse a começar tudo de novo. Dessa forma, é preferível juntar esses materiais numa pilha à parte para, mais tarde, fazer mais fertilizante orgânico. Depois é só deitar mãos à obra!

Espero ter ajudado a esclarecer a sua dúvida e boas plantações :)

Rechena
Obrigado...

Pois, era o que suspeitava.
Li muito e o que disse confirma o que li, que se juntar novos componentes volta a começar tudo de novo.

Agora so estou indeciso se faço por camadas ou se faço um daqueles fechados e todas as semanas o rodo, dizem que é mais rapido.

Obrigado e boas plantaçoes para si tambem.

Joao Rechena
Coisas, Projectos e Ideias
http://coisas.rechena.com

David Fernandes
Retrato de David Fernandes
Olá João, Existe o óptimo e

Olá João,

Existe o óptimo e existe o assim assim. Como referido pelo Joaquim Ferreira o óptimo é evitar acrescentar novos materiais depois de se ter começado o processo de decomposição. Mas isso não é regra, se um problema é a falta de espaço, pode-se sempre ir acrescentando os nossos "restos" domésticos no recipiente. E consoante vai ficando pronto o fertilizante, vai-se tirando consoante o que se precisa. No meu caso é o que costumo fazer.

David Fernandes

Inicie sessão ou registe-se para comentar.