Como fazer um lago no jardim

Média: 4 (43 votos)
Lago no jardim

Um elemento com água – seja um lago ou uma fonte – confere imediatamente outra vida a qualquer jardim. Para além de ser visualmente agradável, apela ainda a outros sentidos, nomeadamente estar num bonito e colorido jardim, a ouvir o burburinho da água. Saiba como construir um lago no seu jardim… é mais fácil do que imagina!

Que tipo de lago?

Tal como as piscinas pré-fabricadas, também existem lagos pré-fabricados, disponíveis em lojas de jardinagem e que podem ser facilmente implementados, bastando para isso seguir as instruções incluídas no respetivo kit. Pode ainda mandar construir um lago em cimento, por exemplo, tal e qual o faria com uma piscina, no entanto, ambas estas opções requerem algum investimento inicial, sendo as escolhas mais caras no que toca a instalar um lago no jardim. Se tiver vontade de meter as mãos literalmente na terra, pode fazer o seu próprio lago no jardim – necessita apenas de algum planeamento prévio (tem também a vantagem de poder decidir o tamanho e formato do lago, ao contrário de estar restringido aos modelos pré-fabricados) e um kit básico composto por um liner plástico/PVC/borracha e uma pequena bomba de água apropriada para o efeito. A existência de uma bomba é crucial para assegurar que a água do lago se mantenha em circulação, evitando assim a atração de mosquitos e outros insetos indesejados.

Qual a melhor localização para um lago no jardim?

Colocar um lago no jardim é como decorar o mesmo: o jardim é o espaço e o lago é o elemento decorativo. A localização depende, naturalmente, do tamanho que o lago vai ter, mas também do uso que este vai ter. Será que vai querer o lago no centro do jardim ou num recanto mais exclusivo? Tem crianças pequenas em casa? Nesse caso, pode optar por um lago mais elevado, em vez de ao nível do terreno. Se vai ter plantas e peixes no lago do seu jardim também é importante que este receba, pelo menos, 4 horas de sol direto todos os dias. Outra boa dica é evitar colocar o lago junto de árvores, principalmente as de fruta, para não ter o lago constantemente repleto de folhas, ramos partidos e fruta – algo que pode ser prejudicial, quer para as plantas, quer para os peixes – para além de requerer mais tempo de limpeza e manutenção.

Plantas & Peixes

Para completar o lago do seu jardim, este necessita de vida e pode ganhá-la rapidamente com a inclusão de plantas e/ou peixes adequados às condições atmosféricas e climatéricas da zona em questão. As melhores plantas para o lago de um jardim são, naturalmente, as plantas aquáticas e pode informar-se melhor sobre as espécies apropriadas numa loja de jardinagem ou viveiro local. Comece por colocar poucas plantas de cada vez, até ver o seu ritmo e direção de crescimento. Para além disso, não descure a decoração da área em torno do lago com plantas e flores, podendo aproveitar para replantar aquelas que foram inicialmente retiradas para cavar o buraco do lago, por exemplo. Em alternativa, e no sentido de criar uma zona de lazer, pode cobrir a área envolvente ao lago com relva ou até um pequeno pátio onde será possível colocar mobiliário de exterior. Relativamente aos peixes, saiba que um lago com peixes é um elemento muito original para um jardim.

10 passos para fazer um lago no jardim

No caso de optar por criar o seu próprio lago de jardim, sem recorrer a terceiros ou a um modelo pré-fabricado, siga estes 10 passos e transforme o seu jardim num fim de semana:

  1. Estude a localização do lago no seu jardim, demarcando a zona com recurso a algumas estacas espetados na terra e uma corda; em alternativa use uma ou várias folhas de cartolina grandes que podem ser recortadas à imagem do lago que pretende construir. Tenha sempre o cuidado de verificar que a zona onde vai cavar não tem qualquer cano de esgoto ou outro.
  2. Decidido o tamanho e o formato, comece a cavar a terra, removendo todo o tipo de pedras, plantas e flores, incluindo raízes. O buraco para o lago deve ter uma profundidade de aproximadamente 1 metro a 1m20cm, sendo que a profundidade mínima deve ser de 60cm.
  3. O próximo passo é nivelar o fundo o mais possível, adicionando alguma da terra já removida se for necessário.
  4. De seguida, estenda o liner em plástico/PVC/borracha que adquiriu, certificando-se que ele cobre, na íntegra, tanto o fundo como as laterais do buraco. Este material, embora resistente e duradouro, pode facilmente romper se estiver em contacto com objetos cortantes, por isso, tenha o cuidado de manter o liner longe dos utensílios de jardinagem, assim como de pedras de maiores dimensões. 
  5. O liner deve estender-se para fora do buraco e ao longo das “margens” do lago pelo menos 60 cm. Corte o excesso com recurso a uma tesoura.
  6. Utilize a terra escavada para cobrir o liner em excesso: para além de ser inestético, a exposição solar pode danificar o liner. Coloque pedras de grandes dimensões em torno do lago, afixando o liner definitivamente e criando uma decoração natural para o lago do jardim. Pode ainda colocar algumas pedras planas no fundo do lago para ajudar a manter o liner intacto e imóvel.
  7. Seguindo as instruções que acompanham a mesma, posicione a bomba de água de forma adequada dentro do buraco.
  8. Encha o buraco com um pouco de água para assegurar que tudo está no sítio e que não existem fugas de água. No caso de estar tudo operacional, encha o buraco com água da mangueira e ligue a bomba de água.
  9. Aguarde cerca de 24 horas antes de adicionar plantas e/ou peixes ao lago do seu jardim. As plantas devem ser colocadas dentro do lago em vasos de plástico pretos ou de rede e podem ser pousadas no fundo do lago e/ou sobre pedras de diferentes alturas para criar um interesse visual.
  10. Por fim, aprecie o lago que acabou de criar: o seu jardim ficou certamente ainda mais bonito!
Média: 4 (43 votos)