Como fazer crescer nova relva no outono

Média: 4.1 (8 votos)

No final do verão, a relva de um jardim está saturada e enfraquecida e, como tal, é necessário fazer crescer nova relva no outono para que o seu gramado fique suficientemente forte para aguentar o próximo ano. Saiba como fazer crescer nova relva no outono e reforce a saúde e o aspeto do seu relvado.

Quais as ferramentas e os materiais necessários

Para que a plantação e o crescimento da nova relva no outono seja efetuada com sucesso, é necessário reunir os utensílios seguintes:

  • Arejador de solo;
  • Gesso;
  • Propagador de sementes de relva;
  • Fita métrica;
  • Latas vazias.

Como fazer crescer uma nova relva no outono

Fazer crescer uma nova relva no outono é uma tarefa que exige alguns conhecimentos teóricos e práticos e é fundamental que esteja com a máxima concentração para fazer tudo bem feito. Existem muitos trabalhos que devem ser realizados com o intuito de fazer crescer a nova relva de uma forma eficaz e para o fazer corretamente deve cumprir com os 6 passos seguintes:

1. Arejar o relvado

A palha que é criada pela acumulação de relva morta que se encontra à superfície pode impedir a entrada de água na terra e, consequentemente, a sua chegada às raízes de relva. Faça com que o seu relvado seja o mais saudável e atraente possível ao utilizar um arejador de solo para que a água do seu sistema de aspersão ou irrigação penetre a palha e o solo do seu gramado. Se pretender, pode alugar um arejador de solo numa loja da especialidade e, em menos de uma hora, a terra do seu relvado estará corretamente ventilada.

2. Soltar os solos argilosos ao adicionar gesso

Ao preparar a terra de um relvado, o solo argiloso deve estar bem solto, pois isso vai dar a porosidade necessária para que os nutrientes sejam absorvidos e para que as novas sementes de relva se desenvolvam. Se detetar que o solo não está suficientemente permeável, é necessário adicionar gesso para que ele fique o mais fértil possível. O espalhar do gesso vai preparar melhor os gramados para o semear e esta é uma tarefa que deverá ser feita no outono.

3. Espalhar fertilizante rico em fósforo

Adicione um fertilizante que seja rico em fósforo à terra do seu relvado durante a estação do outono, nomeadamente no mês de outubro ou de novembro. Ao fazê-lo as raízes das novas sementes de relva vão ficar mais profundas e vão absorver água por um período de tempo mais alargado, o que evita a seca das raízes ao longo do dia.

Contudo, é de realçar que antes de colocar o fósforo na terra do seu relvado, deve realizar um teste específico para verificar os níveis de fósforo lá existentes. Existem equipamentos específicos para esse efeito e pode adquiri-los numa drogaria ou loja de jardins especializada.

4. Escolher a melhor altura do dia para semear de novo

A melhor altura para colocar as novas sementes de relva na terra é quando a temperatura do dia não está demasiado quente. Assim, se pretender semear de novo as sementes de relva ou se pretender aplicar calcário, fósforo ou fertilizante, deve escolher os momentos de menor calor para que a terra não fique muito cansada. Muitas pessoas optam por realizar esta tarefa logo no início do dia, pois é quando o tempo está mais fresco. Para o ajudar a realizar esta tarefa, pode utilizar um propagador de sementes à sua escolha: manual, rotativo ou de gotejamento.

5. Cobrir as sementes de relva

Depois de colocar as sementes de relva na terra, deve utilizar uma camada de palha para cobrir toda a área que foi plantada. Isso vai fazer com que as sementes fiquem húmidas, o que, de certa forma, vai constituir um incentivo para o seu rápido crescimento. Utilize apenas uma ligeira cobertura de palha, de modo a permitir que a água entre no solo e chegue às novas sementes de relva.

6. Utilizar uma rega apropriada

Deve seguir os métodos de rega recomendados para o crescimento das novas sementes de relva. Alguns desses métodos incluem a irrigação nos períodos mais frios do dia ou durante a noite e o regar das novas sementes duas vezes ao dia nas primeiras semanas. Ao fazê-lo estará a encorajar o crescimento de raízes mais fortes e profundas.

Tenha em atenção que o excesso de rega pode resultar no apodrecimento das raízes novas. Nesse sentido, dê ao seu relvado apenas 3 centilitros de água por dia para que ele não receba líquidos a mais. Para determinar a quantidade de água que o seu gramado está a receber, pode colocar uma tigela vazia na área de irrigação e depois de realizar a rega, verifique a quantidade de água que ficou dentro dessa mesma tigela antes de ela evaporar. Trata-se de um método excelente para ver se um relvado está a receber a quantidade de água necessária para o seu crescimento.

Média: 4.1 (8 votos)