Como criar bordas de canteiros com plantas

Média: 3.8 (18 votos)

Criar bordas de canteiros é uma tarefa de fácil realização, desde que os trabalhos principais sejam divididos e reduzidos aos seus elementos mais básicos. É necessário embelezar os caminhos, realçar as cores, atribuir altas e baixas camadas de plantações e enquadrar o respetivo espaço exterior.

As bordas curvas dos canteiros têm um efeito mais harmonioso e complementar na constituição de uma paisagem exterior do que as bordas de canteiros retas. Contudo, para criar corretamente as bordas de canteiros de um jardim, deve observar os aspetos seguintes:

Escolher o local onde os canteiros vão ficar

É necessário pensar muito bem no espaço que um determinado canteiro vai ocupar no seu jardim, uma vez que isso vai determinar a escolha das plantas que lá vão ser cultivadas. Dos locais mais populares, destacam-se os seguintes:

Um local estratégico ao sol

Nos locais que apresentam uma exposição solar direta, muitos jardineiros utilizam faixas de cor para realçar as bordas dos seus canteiros. Nesta situação, são muito utilizadas as Echéverias ou rosas de pedra que são plantas de coloração verde, cinzenta ou rosada que adquirem a forma de roseta. Este tipo de planta é excelente para jardins de pedra e combina muito bem com as bromélias e cactáceas. É de realçar que o bambu aurea (Phyllostachys) cria uma imagem verde de fundo extraordinária e, como tal, é também muito utilizada.

Um local de descanso à sombra

Existem muitas plantas que precisam de locais com sombra para se começarem a desenvolver. É o caso da Spiraea japonesa, uma planta perene de folhas decíduas que cresce ao longo das margens dos rios ou nas bordas das matas, estradas e caminhos. A sua utilização nas bordas de canteiros é uma mais-valia, na medida em que atribui um aspeto mais rústico e natural ao próprio jardim. Por outro lado, o Bôrdo japonês (Acer palmatum) é uma árvore que também é muito apreciada nas bordas de canteiros e isso deve-se ao seu tamanho (6 a 10 metros de altura) e às suas folhas delicadas que mudam de cor com o passar das estações.

Selecionar as melhores plantas

Todas as pessoas procuram flores de baixa manutenção que cresçam mais do que uma temporada. Dessa forma, é necessário escolher as plantas mais adequadas para que as bordas de canteiros estejam sempre radiantes e floridas desde o início da primavera até ao fim do outono. As bordas de canteiros não necessitam de ser largas ou complexas para terem um enorme impacto visual. Basta escolher três ou quatro tipos de plantas específicas para fazer toda a diferença, como por exemplo, as margaridas africanas, as lobélias e a lavanda. Estas plantas transformam por completo as bordas dos canteiros e a beleza de um espaço exterior.

Realçar o seu relvado

Para construir bordas de canteiros magníficas, é necessário dar ênfase ao seu relvado. Para o conseguir fazer corretamente, deve adquirir flores que contrastem com o brilho do seu tapete verde. As patas vermelhas de canguru e as astromélias amarelas e alaranjadas são disso um bom exemplo.

Suavizar o aspeto de uma parede

Por vezes, é necessário suavizar o aspeto frio de uma parede de um canteiro, para que ela fique com uma imagem mais bela e natural. Existem várias plantas apropriadas para o fazer, como por exemplo, o Capim do Texas (Pennisetum setaceum). Esta planta é uma gramínea de folhagem densa com inflorescências muito decorativas. Ela é ideal para suavizar o aspeto de uma parede porque o seu efeito paisagístico é absolutamente deslumbrante.

Embelezar e limpar os caminhos de um jardim

Outra das formas de destacar as bordas dos canteiros, passa por embelezar e limpar os caminhos onde as pessoas circulam. Assim conseguirá ampliar o seu espaço exterior e chamar a atenção para a elegância das flores que constituem os respetivos canteiros.

Enquadrar um ponto focal

Na construção de bordas de canteiros, um jardineiro procura enquadrar um ponto focal com o intuito de formar uma imagem mais clara e definida. Aqui, ele demonstra toda a sua criatividade e originalidade e faz várias combinações de cores e flores. Uma das plantas mais utilizadas são as dálias e isso acontece devido à sua diversidade.

Média: 3.8 (18 votos)